Mateando

Sorve-lo é um estado de espírito!
Um prazer do povo gaúcho na
Tradição dos pampas, quando
Saboreia a gostosa erva mateando
E, proseando ao nascer do sol, e,
Ao poente também, que, o gaucho
Vai sempre muito além!

Imbuido de satisfação, eis o gaucho
De cuia, e, bomba na mão mateando
Seu mate no frio, ou no calor, reunido
Em família ,ou entre amigos... No dialeto
Guasca, o ritual da roda chimarreando
Na água esperta, bem quente, a erva
É a razão do estilo gauchesco Tchê!

Tradição gaucha é o churrasco
Com chimarrão! Não tem ninguém
Abichornado... Ao contrário é afudê!

No inverno brabo do Sul o mate
Ajuda a lagartear, e, a matear
Mas bah tchê é tri legal veranear!

E, sestear de bucho cheio no meio
Da invernada com o descanso do gado!
Pronto para a pelea, e alimentado!

Jose Alfredo

Exibições: 9

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 12 da Antologia 

Volume 9 da Antologia

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

ALB/SP

</

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2020   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço