Pandemia e isolamento social não impedem projetos e soma de esforços para ajudar vítimas. E, surpreendentemente, um dos vários movimentos de auxílio, vem do meio cultural, através das artes. Os artistas Mike Snelle e James Golding – os conhecidos britânicos “The Connor Brother’s” - são os bem feitores da vez.

     Os artistas, com estilo inconfundível, sobressaem na cultura pop mundo afora. Estavam com uma exposição marcada em Dubai, na Alserkal Avenue – rua 8  e que, por conta da pandemia, acabou acontecendo e sendo comercializada on line, destinando 20% da renda apurada, para o Fundo de Solidariedade Comunitária dos Emirados Árabes Unidos contra o Covid 19.  O Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido foi beneficiado pelo arrecadamento da venda de 300 obras de arte, em tempo recorde de 30 minutos.  

     O acervo trazia a novidade de que os artistas incluíram arte árabe, como linguagem nova. E a composição comportou seis pinturas originais sobre tela em inglês, sendo duas em árabe e duas em francês, de um total de dez peças.

     A inspiração e base para as criações vêm das décadas de 50 e 60, incluindo romances de Pulp Fiction, tudo legendado de forma direta e instigadora à percepção e imaginário. Segundo os Connor, não há proibição na arte deles e, inclusive, utilizam o humor suavizando aquele limite do que é complicado.  E James disse em entrevista, no site euronews, da felicidade deles em não se deixarem parar pela questão da pandemia, terem seguido em frente e ainda criarem em formato novo.

 

                                                             Veronica de Nazareth-Noic@

                                                                          Jornalista

 

Fontes: Textos - What’s On e Euronews – sites -

Foto: What’s On

Exibições: 161

Responder esta

Respostas a este tópico

não devemos nunca perder a fé na humanidade. Gesto lindo!


Valéria disse:
não devemos nunca perder a fé na humanidade. Gesto lindo!

Sim, "gesto lindo"...quem dera todos os artistas, em massa, fizessem campanhas do tipo, que resultassem em ajuda efetva. É o realmente fazer, mais do que só entreter, como estão fazendo em lives e lives.
Obrigada pela visita e comentário, amiga. Fico feliz quando os amigos prestigiam. Beijo de Luz.

Tem sido tempos de descobertas e aprendizados, em meios as perdas e danos, mas ainda bem que existe bons corações dispostos a unir forças pra amenizar tais dores!



Eliete Marry disse:

Tem sido tempos de descobertas e aprendizados, em meios as perdas e danos, mas ainda bem que existe bons corações dispostos a unir forças pra amenizar tais dores!


Pois é Marry, justamente em tempos difíceis é o melhor momento para que a alma eleve-se, pause...e tire dai as mais magníficas lições.Obrigada pela cisita e comentário. Bjs

Responder à discussão

RSS

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 12 da Antologia 

Volume 9 da Antologia

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

ALB/SP

</

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2020   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço