TRIBUTO À SUZUKY

O jardim amanhece constelado de margaridas brancas. Sim, ao sol, orvalhadas, são estrelas desencantadas , pensativas e chorosas.Penso em ti e lembro que o céu que te recebe é um jardim suspenso, florindo em luzes pela tua chegada, enquanto na minha alma anoitece. Então, me pergunto: Como uma escultora de ternura e amor é recebida no pós morte?

Tua viagem foi repentina, minha pequena. Esquecida das lutas e cuidados, só te preocupaste em deixar gravados na retina e no espírito da gente o instante em que fomos separados. Queria que só fosse um sonho desvairado essa lembrança que me chega assim, tão subjetivamente.Teimo em invocar a tua imagem nessa separação, sem dúvida, infinda. O sentimento que me invade é de desesperança, uma dor quase eterna, que creio, poderá um dia ser só saudade.

Como criança convalescente, vem-me à memória aquele carrossel que te fascinava, no seu giro constante. Meu pensamento se ilumina de uma luz ardente e doce e vejo com os olhos de hoje, no fundo do meu quarto, o pequeno carrossel rodando...continuamente rodando. Acho que a tua mente, tão pura e inocente, te imaginava dando voltas, no lugar de algum daqueles cavalinhos de madeira, que galopava automaticamente, arrogante, destemido e imponente.

É, minha querida, o carrossel, que tanto te encantava, parou no largo, mas não parou na vida. Continuará no meu sonho rodando...rodando sempre, andando e desandando, em ritmo contraditório, só para ti.

Ainda terei a alegria de, nas minhas fantasias, poder dar voltas e girar, de rolar contigo como os astros, no espaço. Tu, minha pequena cadelinha, tomarás então a forma de um corcel , tão negro quanto os teus pelos, e me elevarás no teu dorso a um destino superior ao dos planetas, que também rodarão em torno de suas órbitas.

Upa! Upa! Voa meu pensamento! Diz para o minha Suzuki, que ela foi a mais carinhosa e fiel de todos os meus amigos e que jamais a esquecerei!

Exibições: 11

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Aniversários de Hoje

Aniversários de Amanhã

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço