poema dos textos



Entre riscos e rabiscos paira a filosofia do poeta.
A pena riscando e costurando as letras mortas
Dá vida aos textos de suprema inteligência,
E, nos destinos de indigências literatas
Mergulha em mares revoltos submersos
Nos seus escafandros poéticos resgatando
Textos iluminados sob a lua prateada e romanceada.

Poemas literatos de substratos amorosos,
Na caligrafia textual retrata o real romance.
No desmanche das letras desnuda ardorosos
Perfis românticos e suas performances!
Na escrita textual o poeta tem seu orgasmo...
Gozo de autêntico sexo poético deita-se
Com as letras, e, acorda nos seus textos!




Jose Alfredo

Exibições: 3

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 12 da Antologia 

Volume 9 da Antologia

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2020   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço