GRITOS SOLUÇADOS

Ao respirar na luz radiosa,
Da alma o profundo e soluçado grito,
“Pois metade de mim é o que eu grito
a outra metade é silêncio!

As vozes dos céus
Podem vibrar sonoras,
Eis que num cenário de astral melancolia
Minh’alma com tu’alma goza e chora!

Marilândia

Exibições: 6

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Aniversários de Amanhã

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço