DESAFIOS DA VIDA

Porque não é por sentimento vago
Nem para que o mundo proclame
As vigílias sem nome, as orações sem termo...

Logo,
Numa in_finita despedida,
Sob a guarda muda e (im)piedosa das Esferas,
Quando a alma quer voar nos páramos liberta,
Há de mais tarde errar
Para a vala comum do eterno Des_engano...

Marilândia

Exibições: 22

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo