CATEDRAL

___saio a indagar dentro de mim: O que sou?!

E quando a noite vem

azulecendo o olhar que me resenha,

tudo é silêncio na catedral da alma.

Exibições: 35

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Comentário de maria jose zanini tauil em 16 abril 2017 às 23:23

Que lindo, poeta!
Parabéns!
Um abraço,
mjzt

Comentário de Maísa Cristina Vibancos (Pupila) em 12 abril 2017 às 16:01

Amei!!! A noite, o silêncio, movimento do olhar...
Que Bela construção! Uma Catedral e tanto! Lindo! Beijos poéticos

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço