A PAZ QUE SINTO

Vejo os matizes das cores
De um céu e mares azuis
Verdes nas rendas dos campos
Formando o encanto em meus olhos

Corro, brinco em voos rasantes
Mergulho nas ondas de cristais
Há ouro e prata nelas espalhados
O mar é um tesouro aberto aos céus

O verde me conduz há vários passeios
Jardins, bosques, vales formados sobre a terra
Perfumes inebriando-me de paz gorjeio
Sou leve, sou vento, sou asas do infinito

Rosalina Herai

Exibições: 23

Comentar

Você precisa ser um membro de Casa da Poesia* para adicionar comentários!

Entrar em Casa da Poesia*

Editora Casa da Poesia

Chegou o Volume 8 da Antologia

 Volume 7 da Antologia!

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo