Blog de Angela Regina Lazzari (96)

*Abandono (nos versos)* - Parte I

Abandono-te nas letras,

Que não mais respiram,

Por querer-te longe,

Afastado d’um olhar cansado.

Abandono-te no sorriso morto,

Morno,

Nos gestos despencados,

D’alma em voz perdida.

Abandono-te em mente distraída,

Em percepções sem…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 16 janeiro 2018 às 17:30 — Sem comentários

*Tapete de Estrelas*

Nada confesso diante desse silêncio que me vai por dentro.

Tudo seria irreal, caso não fosse o mínimo de uma possibilidade.

O que sinto, transborda...!

Infindável sorriso delineado em teu semblante,

Caso ainda não saibas, toda procura termina no final d’um arco-íris.

Dos meus…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 28 dezembro 2017 às 14:24 — Sem comentários

Parte de mim...

És parte de mim...

Assim como um rosto no espelho... refletido...

Talvez como um sentir que corre pelas minhas veias,

Porque sei que és alma pura....

Sei que és sonho...és cascata de silêncios... que jorram em efeito mágico,

Sem que eu possa explicar, pois me faltam…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 23 dezembro 2017 às 12:30 — Sem comentários

*Frágil é o Tempo nas bordas do Poema*

Assim é a forma de quem sonha...

As sílabas são mansas...

E ainda me digo sem ao menos perceber,

Que o Paraíso não pode estar assim tão longe...

Quase como um fio partido,

Falta-me a dimensão,

Falta-me o doce na transformação dos dias....

De quem já não bate…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 22 dezembro 2017 às 19:10 — Sem comentários

*Como se fosse o último Poema*

(...e falou-se do último....como se um dia, chegasse a ser o primeiro...e esperou...!)

...................................................

No…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 22 dezembro 2017 às 13:40 — Sem comentários

*Ao dobrar de cada Esquina*

Respira-se estranhamente,

Por entre os poros da mente,

Incontrolável.

Demente.

Suspira-se pelo ar que atravessa a derme,

Bêbada incoerente ao estalar dos dedos.

Percorre-se as ruas emaranhadas pelo meio fio,

Nos esgotos da alma que não mais…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 18 dezembro 2017 às 22:16 — Sem comentários

* Lindo seria se a lua se deitasse com o sol poente, engravidando luzes, parindo estrelas*

Chegas sempre embebedando as madrugadas,

Como o sol da meia noite, adornando o paraíso em mil cores,

Curvando os lábios cegos, a entrelaçar pequeninas flores,

Exalando o perfume que enfeita o peito, em fé emaranhada...

Deixei ha tempos de esculpir a saudade passeante que me…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 10 dezembro 2017 às 21:18 — Sem comentários

*Abrigo*

Troquei o caminho.

Hoje renasço dentro do teu olhar,

E habito no mais profundo do teu peito.

Seguras minhas mãos com docilidade,

Num transbordamento tal - e tão inesperado -

Que minha pele revela-se como oração destemida.

Passo a ignorar a nuvem que encobre os…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 8 dezembro 2017 às 20:31 — Sem comentários

*Entre o Céu e a Terra*

Através daquela que me olha,

Sempre reluzente e companheira,

Recordo tuas mãos pitorescas,

A desenhar em meu semblante, algo que não se perde.

Como única testemunha de momentos memoráveis,

Cálida e frágil,

A Lua,

Alva e Saudosa,

Perde-se no Infinito majestoso e…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 3 dezembro 2017 às 12:43 — Sem comentários

*Encontro*

De certa forma Ela sabia que aquele seria um jantar especial. Estranhamente, mas sem muitos questionamentos, decorou a mesa de uma forma que nunca havia feito.

Colocou flores do campo no vaso branco. Flores frescas, colhidas num jardim pelo qual passara, antes de…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 16 novembro 2017 às 22:15 — 2 Comentários

*Poema Maior*

Permaneço.

De alguma forma retenho comigo pequenas coisas.

São pequeninas,mas engrandecem o que me vai pelo peito.

E também o que me retém pela alma.

São gestos.

São olhares profundos,

Que se misturam com o vento fresco que lava o coração,

De…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 26 outubro 2017 às 9:42 — Sem comentários

*Só por hoje decidi falar de Amor*

Quando o vento fresco açoita a minha pele,

E os raios intensos do Sol cobrem os meus olhos,

Sinto a vertente única do Amor,

A bailar em minha mente.

Desdobro o pensamento que voa além da Alma,

E te encontro no mundo que a nós pertence,

Em cada momento que…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 21 outubro 2017 às 20:08 — Sem comentários

*Navegação*

Ah, esse teu mar imenso,

Que encobre as areias da minha pele.

Todo ele invade meu cais,

Em perdição,

Em pura extasia.

Em fascínio puro,

Completa magia...

Ah, essa tua onda emaranhada,

Que agita os meus cabelos ao toque do…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 17 outubro 2017 às 13:29 — Sem comentários

*Efêmero*

Tenho folhas brancas e nuas,

Viradas ao acaso.

Composições sobre letras emaranhadas.

Um laço solto.

Mente que divaga.

Meus rabiscos aleatórios,

São palavras que não saem.

E n’alma a constante vertigem.

O breu instala-se,

E uma luz…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 6 outubro 2017 às 15:49 — Sem comentários

*Paixão* - Prosa Poética





Nada levo de especial em minha bagagem.

Dentro dela, apenas sombras,

Que já não me servem mais.

Sozinha na estação do meu próprio caminhar,

Á espera do trem como um pequeno milagre,

Vejo-me sentada num banco…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 19 setembro 2017 às 16:00 — Sem comentários

*Lembrança Enluarada*

Teus olhos, por destino incerto,

Nunca abandonaram o brilho dos meus.

Ficaste impresso, no firmamento do meu corpo,

E tu'alma translúcida coroou em toques leves,

Os gestos indeléveis em minha morada santa.

Adornaste a minha saudade, em noite…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 13 setembro 2017 às 17:30 — Sem comentários

*Memórias* - Prosa Poética

Reservo num canto especial do meu semblante,

Teu gesto sublime.

Apago o meu ser.

Desnudo a minh'alma.

Esse ato de me tocar com a tua palavra,

Parte-se em duas faces:

Saudade e ausência.

Cubro-me de lembranças,…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 5 setembro 2017 às 11:38 — Sem comentários

*Querer*

.

.

.

.

.

.

(....sempre que a Poesia fala, os anjos dizem Amém...)

.

.

.

(...sempre que a Alma sobrevive, o Amor vai Além...)

.

.

.

.

.

.

.

.

Quero de ti um olhar iluminado,

Que…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 20 agosto 2017 às 12:46 — 1 Comentário

*Momentos* - Prosa Poética

.....................................................................................

Não são apenas momentos.

São tons púrpuros da minha pele, que em teus breves apelos,

Reluzem...

São sons perpétuos, dentro da minh’alma,

Onde todos os meus anseios, …

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 2 agosto 2017 às 18:10 — Sem comentários

*Sensações* - Prosa Poética

Os teus sentidos tem uma forma enigmática,

Quando da minha pele se aproximam.



É uma candura de movimentos,

Desenhados em espirais coloridas,

Que ficam sempre retidas em minha alma...

Teus sons, por vezes descompassados,

Vibram em harmonia dentro da minha…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 18 julho 2017 às 15:28 — Sem comentários

Editora Casa da Poesia

         À Venda Antologia

                VOLUME 6 

    

Livros à Venda
CLIQUE AQUI

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Aniversários

Não há aniversários hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo