novembro 2019 Posts no Blog (36)

Continuar

Adicionado por Shamara Paz em 30 novembro 2019 às 19:13 — Sem comentários

DESENHOS DE PEDIDOS

Desenhos de Pedidos

No reverso da minha pele

Rascunho letras

Mais vogais do que sonantes

Menos táteis do que palavras

E Dentro delas vejo

pó de estrelas

Cometas renascendo

Areia e água

Sal e mata

Na metamorfose das minhas veias

Desenham-se súplicas

Leio a sorte

Numa lua de cristal

Num cordão de eternidade

Ligo os pontos

E leio nomes

No reverso da minha…

Continuar

Adicionado por MARIA LUIZA KUHN em 27 novembro 2019 às 21:33 — Sem comentários

Série Poemas sem vogal

ENFIM
Desligar e sair.
Negar que aqui estive,
Fugir e me sentir livre
Para seguir a chama Daquele
Que é luz intensa e infinita,
Nas estradas sem curvas e
Céu sem nuvens turvas.
Abrem-se passagens para
Esplêndidas paisagens
Que acessam relvas ternas e suaves,
Típicas daquelas visagens
Imaginadas pelas mentes sadias.
Sem mais extravagâncias metafísicas,
Fica a essa mensagem.
Enfim, vida que segue...

Adicionado por Wallace José de Oliveira Cabral em 26 novembro 2019 às 20:18 — Sem comentários

Dôo Espelhos!

E sempre que se aproxima o final de cada ano, ouço e leio sobre a pressa das pessoas em despachar o ano corrente! Uma necessidade de exorcizar toda uma carga de desafios, frustrações, dores... e tantos sentimentos.

E o que vejo sobre os anos subsequentes, é sempre a mesma história, por melhor que tenha sido.

Nossos anos andam bem difíceis e vorazes, e percebo que o grau de dificuldade aumenta, com o passar de cada um.

A velocidade do número de perdas, grandes perdas e grandes…

Continuar

Adicionado por Lu Barreiro em 25 novembro 2019 às 21:22 — Sem comentários

*A falta que eu me faço*

Nas turbulentas águas que defronto pelo espelho,

Sei que a saudade de mim,

Convida-me à um passeio pelos céus.

Adentro num mundo de sonhos,

Acalentando a alma que nada pretende dizer.

Ouço meu próprio silêncio,

E me encontro em castelos imaginários.

Por entre luas, planetas e sons,…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 24 novembro 2019 às 12:00 — Sem comentários

As cordas de um violão

CORDAS DE UM VIOLÃO

Nos momentos de tormentos,

As cordas de um violão

Aliviam a melancolia

Abrindo as portas do coração.

Seus sons penetram como bálsamo,

Suavizando a agonia.

Nas cordas de um violão,

Melodia aos quatro cantos,

Propagando-se pelo mundo,

Provocando risos e prantos.

Desejos traduzidos em notas,

Saudade de amores profundos,

Tudo num só instante.

As cordas de um violão

Remanejam o passado

Para o…

Continuar

Adicionado por Wallace José de Oliveira Cabral em 23 novembro 2019 às 10:47 — Sem comentários

As cordas de um violão

CORDAS DE UM VIOLÃO

Nos momentos de tormentos,

As cordas de um violão

Aliviam a melancolia

Abrindo as portas do coração.

Seus sons penetram como bálsamo,

Suavizando a agonia.

Nas cordas de um violão,

Melodia aos quatro cantos,

Propagando-se pelo mundo,

Provocando risos e prantos.

Desejos traduzidos em notas,

Saudade de amores profundos,

Tudo num só instante.

As cordas de um violão

Remanejam o passado

Para o…

Continuar

Adicionado por Wallace José de Oliveira Cabral em 23 novembro 2019 às 10:40 — Sem comentários

Intervalando

Amado, amigo
Que saudade!
O dia todo, você me invade...
Pensamentos... Tantos momentos...

Estamos correndo na esteira
Precisamos andar
Partir e chegar
Criar intervalos... Eu, nós, eles...

Que a vida abrace o tempo
Presente, intenso
O olhar, o silêncio...
Prefácio para partilhar páginas

Amado, amigo
Que saudade!

Adicionado por Dalva Simône Linhares do Monte em 21 novembro 2019 às 16:57 — Sem comentários

Luz de mim

Luz de mim!

Da alma para o corpo

De dentro para fora

Imensidão de um mundo

Quase desconhecido...

Meus olhos vislumbram

os quadros que pintei,

os rabiscos que faço nas folhas em branco,

um sumário indefinido...

A luz ilumina as horas

que galopam no crepúsculo da vida.

Me visto de verdade,

nua e crua!

O espelho me confessa

o domínio do tempo,

valores da vida,

ilusões e bobagens

que amarram as asas da…

Continuar

Adicionado por Dalva Simône Linhares do Monte em 21 novembro 2019 às 16:25 — Sem comentários

Ultrapassando os muros da carcaça

Já pensou se fôssemos

Apenas uma estrutura corporal?

A vida não teria…

Continuar

Adicionado por Shamara Paz em 21 novembro 2019 às 15:00 — 2 Comentários

*Quase uma Prece*

Guardo na boca silenciada,

Este encanto serviçal,

- e meigo,

De aprofundar em minh’alma,

A profundidade dos mistérios inimagináveis,

- que migram soltos por aí.

Rendo-me na perspectiva de alcançar os céus,

Embriagando-me em enigmático regozijo,

De viver entrelaçada entre tantas…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 14 novembro 2019 às 10:17 — 3 Comentários

Gentileza

Gente que é gente

Gente que sente

Gente altruísta …

Continuar

Adicionado por Shamara Paz em 13 novembro 2019 às 18:30 — 2 Comentários

*Desnorteio*

Nem sempre o falar, basta.

Alguns verbos permanecem calados,

Na calada da noite,

E às vezes, paira no ar denso,

Verdades que não mais são necessárias.

Parte de mim cochicha aos meus ouvidos,

- (ligando o sonho à realidade...)

Recordando-me o pacto de amorosidade que fiz há tempos,

Dentro de…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 13 novembro 2019 às 11:00 — Sem comentários

Não me negarei©

Não me conhecerão por aquilo que não sou.

Nem por mim, nem por ti, nem pelos que passarem

por caminhos que não me pertenceram, pois,

é trilha certa que seguir, não vou.

Não saberão qual a cor do céu que me encobria,

nem a paisagem que mais me encantava,

ou a dor mais profunda que eu sentia.

Não me ouvirão, por tantos momentos que me calei...

Nem pela voz que mesmo bradando,

desgastada, fiz clamoroso protestar,

ou pelas palavras mudas, que…

Continuar

Adicionado por Elizabeth Misciasci em 11 novembro 2019 às 22:00 — 3 Comentários

AVENTUREIROS

Adicionado por maria jose zanini tauil em 11 novembro 2019 às 21:00 — 2 Comentários

SINUOSIDADE DE SENTIMENTOS

Adicionado por maria jose zanini tauil em 11 novembro 2019 às 21:00 — Sem comentários

FRAGMENTO DE ESPERANÇA

Adicionado por maria jose zanini tauil em 11 novembro 2019 às 21:00 — Sem comentários

*O presente mais doce*

Devo falar do que não sei?

Devo despir-me dos trejeitos

- e meios,

- que a sorte me retira?

Ando lendo meu olhar com mais profundidade...

Ando me agarrando nas paredes frias,

- por segundos a fio...

Esvazio minhas gavetas,

Tão mal arrumadas,

Que contém fiapos a perder de…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 10 novembro 2019 às 14:34 — 2 Comentários

*Amor: Duas vogais; Duas consoantes*

Fico estirada no vazio, que pesa;

Sem ter bagagens, de mãos ocas,

Tento distribuir apenas o pão e o vinho,

Nesta liturgia não mais sagrada.

Contorço-me neste inverno que não chega,

Numa geleira que conserva este corpo,

Que há tempos,

Parece já ter ido…

Continuar

Adicionado por Angela Regina Lazzari em 10 novembro 2019 às 11:30 — 2 Comentários

A FALTA DE TEMPO

A FALTA DE TEMPO

SUELY BRAGA

O tempo passa como um meteoro.

As horas, os dias, as semanas, os meses, os anos correm com uma velocidade que nem percebemos.

Nesta correria do mundo moderno, nos perdemos nos afundamos e nos entregamos em nosso

comodismo, egoísmo e ânsia de consumismo e nem vemos e sentimos o tempo passar.

Deixamos de nos encantar com o azul do céu, com o sol radiante, à noite com as estrelas brilhantes, com o cantar dos pássaros e admirar a…

Continuar

Adicionado por Suely Eva dos Navegantes Braga em 6 novembro 2019 às 21:27 — 1 Comentário

Arquivos mensais

2020

2019

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

1999

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 12 da Antologia 

Volume 9 da Antologia

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

ALB/SP

</

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2020   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço