Coisas da compreensão...
É comum as pessoas: passam sempre pelos mesmos lugares e não se dão conta dos arredores. Não veem o que há pra ver; compreender. Belezas e convites à luxúrias; formas estáticas; mudanças; convidando a quem vê e não observa; é preciso compreender formas despercebidas; como as estrelas que flamejam solitárias no firmamento... Foi assim que virando a esquina de uma avenida famosa, havia algo novo. Nunca me dera conta daquele negocio. Um ponto tão perto e de tão desconhecido traço. Fiquei imaginando o que é a falta de curiosidade. Fiquei pensando se a curiosidade não é necessária para impulsionar a vaidade ou mesmo a ambição. Lembrei que os antigos diziam às crianças: “a curiosidade matou o gato”. Que pena! Atrasou muita gente. Deparei-me com um fato: erro de interpretação. Explico: interpretar algo é difícil. Depende de observação, espírito de curiosidade... Também, para superar preconceitos. Palavras mau ditas levam a interpretações bruxas. Interpretações bruxas são intenções emitidas de forma positiva mas recepcionadas pelo interlocutor de forma negativa. Assim se forma uma confusão. Preconceitos por palavras mau ditas; de significados dúbios. A propaganda que não é seria se vale disso. As mentiras também. Mas o negócio que eu vi tinha uma placa. Dizia: “Noite e dia, tem comida, tem pão quente”. Pois é, pensei tratar-se de uma Padaria: não era. Vim a saber muito tempo depois, tratar-se de um "lupanar"...
Coisas do Brasil!
Coisas da compreensão!

Exibições: 5

Responder esta

Respostas a este tópico

...kkk comida da pra entender. Agora pão quente! (Momento reflexivo) kkkkk

Responder à discussão

RSS

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Aniversários de Hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2020   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço