O que será isso?
Sonâmbulo, por algumas noites, andei. É certo, sem me dar conta me machuquei, tive cortes nos pés.
As vezes assustei, pai, mãe, irmãos e amigos; quebrei vasos, derrubei mesas, estantes, falei coisas desconexas; fiz um corte na testa...
Incrível, mas não sei dizer onde estive nesses devaneios...
Parece incrível acreditar ter o corpo descontrolado em vigília. Saber, por outros, sobre essas estripulias...
Parece incrível ter a força do movimento quando o corpo deveria estar inerte, levantar e andar como se fosse um marionete...
Acredito que a energia que nos move têm mesmo algo a ver com tudo isso...
Procurei ajuda medica e o diagnostico concluiu que quando eu chegasse a um equilíbrio emocional esses enigmas se dissipariam. (?)
Alguns anos já se passaram (rrrrsss) e parece mesmo que esse fenômeno, de mim, se afastou.
Seria presunção acreditar que me estabilizei emocionalmente, não sei.
É certo, porém, que sonâmbulo ou não, energias imponderáveis nos conduzem.
Me impressiona saber, que em todos esses momentos, algo me conduziu; fui conduzido; ainda bem que sempre tudo acabou bem, pelo meu bem, acho...
O que será isso?
...
Lineu Mattos

Exibições: 6

Responder esta

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Não há aniversários hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço