Como não se admirar diante a enormidade de um Jequitibá-rosa.

Incrível experiência: Estive diante a um majestoso "Jequitibá-rosa", com 42 metros de altura! (Ele está no Parque Nacional de Vassununga - no Município de Santa Rita do Passa Quatro - Estado de São Paulo)

Que maravilha de Árvore! Deve ter mais de quinhentos anos de existência.

Majestoso e isolado, a Floresta permanece a seus pés...

Fiquei pensando como teriam sido os quinhentos anos de sua existência até aqui e quantos ainda hão de vir...

Apreciar essa majestosa presença é como subir por uma estrada que leva a uma nova colina; e de lá, como esse Jequitibá-rosa, espreitar as vidas que rolam por aqui.
É como chegar à esquina daquele Bosque e constatar o sol, que brilhando, protege aquela mata viva. Perceber os ruídos que se enxerga antes mesmo de ouvi-los. Conversar com os pássaros. Trocar ideias com os gatos. Como se alguém quisesse, de longe, dizer: "aqui existem belezas que nem todos querem manter...”.

Assim, imagino que um dia, enquanto o Jequitibá-rosa ainda viver, certamente não estarei mais por aqui; mas por alguma razão posso dizer que ali, algo inusitado acontece, a eternidade espera pela vida. Ali o dia não tem 24 horas. Ali existem contos e cantos. Muitas e diferentes matizes bem diferente de quem por pernas andam.

Sentar à beira desse Jequitibá-rosa será sempre um privilégio.

Parece mesmo que ele agradece e do alto de sua grandiosidade e majestosa bondade sopra pétalas ao vento que ao caírem, compartilham o perfume de suas flores como que a contar a sua história, agradecendo aos que ainda permitem a sua existência.

Lineu Mattos

Exibições: 6

Responder esta

Editora Casa da Poesia

Chegou o Volume 8 da Antologia

 Volume 7 da Antologia!

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

ALB/SP

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Não há aniversários hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo