O que eu posso fazer por você?

What can I do for you?

Quando repito esta frase revendo meu inglês, algo me impressiona. Percebo que antes de compreender a tradução do inglês, essa expressão tem algo de bom. Faz bem ouvi-la. Fica mais fácil entender uma boa expressão. Indago por quê? Respondo: é uma expressão forte para os nossos dias. Não é qualquer coisa. Não é uma atitude qualquer nem é para qualquer um. É uma expressão de pro atividade. De atitudes positivas. É algo que pode ser muito produtivo. É algo do bem comum. É algo para se fazer sempre e em todos os lugares. Percebo a ajuda da expressão na compreensão da língua. Como também no que significa nos costumes de um povo. Não é pouca coisa, não! É o inicio da ajuda e de uma solução para quem se encontra indeciso. De uma salvação de algo que está levando alguém a não compreender uma situação de fato ou ficar sem resolver uma questão, um incomodo. De outro lado, um gesto solidário. Tirar alguém de uma situação de indecisão qualquer é mesmo poder fazer alguma coisa de bom. É a expressão da solidariedade. Da parceria. Ainda que comercial. Uma solução. Uma ajuda. Então me pergunto, será apenas a satisfação da compreensão de outra língua? ou algo mais que se aproxima do que significa educação de um povo? Estar à disposição do outro certamente vem da cultura popular. Colaborar para uma sociedade mais justa e fraterna vem da educação. “““ “““ “Exemplifico: Cumprimento o meu novo vizinho e lhe digo: “seja bem vindo“; “O que posso fazer por você?”. Vejo a disposição dele em também em ser pro ativo a mim. Ajudar mutuamente em uma ocasião ocasional. Produzir uma vizinhança melhor com a esperança de que este diálogo leve à base do crescimento do fazer pelo outro o que gostaríamos que fizessem por nós. Penso então no alcance dessa frase na forma traduzida do inglês: “o que eu posso fazer por você”?”.

Tenho pensado nisso: What can I do for you?

Lineu Mattos

Exibições: 35

Responder esta

Respostas a este tópico

Meu amigo, Lineu, também gosto muito dessa frase e de tudo o que ela representa como você tão bem escreveu. Um abraço, amigo!

O que você pode fazer por mim? Escreva sempre Lineu! E terei em meus olhos o meu maior presente!Obrigada e beijos.

ZÉZINHA! OBRIGADO!

É ISSO AI, MINHA MAE DIZIA UM DITADO POPULAR: "FAZER O BEM SEM OLHAR A QUEM"

HOJE NÃO OUVIMOS MAIS ISSO!

UM ABRAÇO!

Zezinha Lins disse:

Meu amigo, Lineu, também gosto muito dessa frase e de tudo o que ela representa como você tão bem escreveu. Um abraço, amigo!

GRATO ANGELA!

SEU ELOGIO ME ENVAIDECE E ME ESTIMULA A ESCREVER. AGRADEÇO!

TENTO, TENTO, TENTO, UM DIA, COMENTO! MINHAS IDEIAS! RRRSS.

OBRIGADU!



Angela Regina Lazzari disse:

O que você pode fazer por mim? Escreva sempre Lineu! E terei em meus olhos o meu maior presente!Obrigada e beijos.

Responder à discussão

RSS

Editora Casa da Poesia

Chegou o Volume 8 da Antologia

 Volume 7 da Antologia!

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Não há aniversários hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo