Nada mais lhe dava tranquilidade ! Andava stressada.

As notícias eram, como sempre, terríveis, desastrosas ... Nem mesmo as redes lhe davam algum relax, depois que a política tornara-se o único assunto.

Eram tantas discussões ! Nunca vira o país assim, polarizado, cheio de raiva e verdades absolutas – cada um com a sua !

Familiares e amigos discutindo e rompendo relações de anos !! Simplesmente porque um não conseguia tolerar a opinião do outro ... Um não admitia sequer a possibilidade de o outro poder ter a sua própria opinião !

Mas por quê  ??!!  Por que de repente tornara-se vital estar certo ?!  Por que todos haviam se tornado videntes e cegos ?!

Fatos não importavam mais. Apenas as versões ... As suas mentiras eram criminosas, as minhas, porém, são  justificadas. Não importa o lado que se esteja; todos parecem agir de modo igual...

Claro que muitos estavam genuinamente envoltos num desejo sincero, num repúdio ao Mal. Mas tantos outros estavam perdidos e corroídos ...

Aqueles eram dias muito obscuros !  E ela estava cansada dos canhões. Bombardeada. Acossada. Não !!!!! Não queria mais isso !!!!

Tudo o que queria era tranquilidade. E flores amarelas perfumadas. E o aroma doce de aniz. E a suavidade da relva verde. E a brancura de uma manhã de sol ...

Tudo o que ela queria era paz.

E assim pensando, fechou-se ao burburinho nefasto e aquietou seu coração. Em seu recanto solitário pôs-se a meditar sobre um mundo possível.

E com toda a certeza de sua convicção interior, rezou  para um Deus misericordioso e de infinito Amor  - pedindo a paz para seu país ...

                                                                      Waulena d'Oliveira

Exibições: 8

Responder esta

Respostas a este tópico

Que belo texto minha amiga Waulena, uma critica sucinta a nossa conjuntura.

Responder à discussão

RSS

Editora Casa da Poesia

Chegou o Volume 8 da Antologia

 Volume 7 da Antologia!

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo