PoesiaTerapia parte II

Continuando na “prosa” sobre a descoberta da Poesiaterapia....
Já confessei que sou dessas pessoas de guardar papéis? Ainda bem que chegamos ao tempo da ‘nuvem”, mas remexo ainda num baú físico de recortes de jornais e textos, vez que outra.
Encontrei no baú recortes de Derek Walcott o caribenho que poetou, ensinou sobre poesia pelo mundo e ganhou o nobel de literatura em 1992. Encontrei um recorte do escritor e médico Moacir Scliar, ambos falando sobre como a poesia pode “curar”. E assim é possível pontuar um inicio remoto do meu interesse pelo assunto.
Eis então, que em 2014/15, uma historia que ainda vou contar, me aprofundo na questão e descubro um médico e poeta (Rafael Campo) que nos Estados Unidos aplica a “poesiaterapia”. E dali sigo minhas pesquisas. E exatamente nos EUA, desde os anos 90, existe a “The Nacional Association for Poetry Therapy” – NAPT, que forma os terapeutas no EUA.
A PoesiaTerapia é muito mais uma experiencia sensitiva, do que qualquer conceito possa abarcar, mesmo assim é preciso trazer alguma “definição” e nesta livre interpretação minha do que nos traz a literatura estrangeira, trago algumas linhas do conceito.

A terapia de poesia é o uso intencional da palavra escrita e falada para cura e crescimento pessoal. Poesia, literatura, revistas e letras de músicas ajudam os indivíduos a se verem completamente, e com o tempo eles experimentam as facetas escondidas de si mesmos.

O termo "terapia de poesia" é utilizado inclusivamente para se referir não apenas ao uso de poemas publicados e originais, mas também ao uso interativo da literatura poetica e à redação terapêutica do individuo. É por isso que se fala em escrita curativa.

Por hoje é isso!
PoesiaTerapia FLOR DE ABRAÇO

By MLK – 19 de abril de 2019

Exibições: 50

Responder esta

Respostas a este tópico

Interessante este tema. Acho que é isso mesmo. "Terapia de Poesia". Me faz um bem danado. Sempre achei isso e não sabia
Obrigado Maria Luiza! Excelente!

Que maravilha, eu sempre achei que a poesia além de ser um elemento da literatura que nos traz escritores imaginários; por intermédio dos vocábulos tem a capacidade de ser um elemento de terapia. Nas visitas de filhos e familiares a minha residência, voluntariamente alguém declama, como um simbolo de união naquele momento e eu endosso declamando também.

Aqui em Natal/RN, o CRO (Conselho Regional de Odontologia) cede sua sede para juntos com a SPVA fazer o SARAUTERAPIA, nas s segundas e últimas quartas-feira de cada mês. Eu amo esse projeto.

/p>

Aqui em Natal eu participo de um sarau chamado SARAUTERAPIA. A sede é no CRO (Conselho Regional de Odontologia, que nos convocou (membros da SPVA - Sociedade dos poetas vivos e Afins do RN - a qual sou vice-presidente) que unidos com os odontólogos poetas e afins promovemos o sarau. Você acredita Maria Luiza, que vai pessoas com enfermidades de fim de carreira, e essas pessoas saem de lá alegres, sorridente. Eu procuro nunca faltar é duas vezes por mês.

Responder à discussão

RSS

Editora Casa da Poesia

Chegou o

Volume 9 da Antologia 

Volume 8 da Antologia

 Volume 7 

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Aniversários de Hoje

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

© 2019   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço