OLHAR PARA SI

Olhar para si é um ótimo e moderno discurso quando falamos de terapias e autoconhecimento.
Particularmente sinto que bem mais difícil é partir para a ação. Ou seja, sair do discurso e de fato agir.
Nestas horas a reflexão e o silencio são os verdadeiros aliados.
Aquela parada no meio do turbilhão diário. Prefixo e sair do ar, sabe como? Não? Pois então em tempos de redes sociais fica difícil entender isso.
O exercício do silencio não é comum nestes tempos.
Agora, estes momentos estão propalados por todos as renovadas correntes de autoajuda. O livro “O milagre da manhã” que trata do obvio e entendo ser preciso descrever sempre o obvio, que parece ser a descoberta do século e nem é, me trouxe para mais perto da necessidade do silencio. Do olhar para si.
A descoberta de ruas e ruelas dentro do nosso ser nem sempre são agradáveis. A sombra aparece quando pensamos ser sol. O frio aparece quando pensamos ser apenas acolhimento e calor.
É preciso então ter coragem e pavimentar novas ruas, novas sinapses e com as antigas se reconciliar. Não apenas passar uma vassourinha de autoajuda, mas realmente olhar e acreditar que somos capazes de novas paisagens. O autoconhecimento e suas muitas ferramentas ajudam sim, mas é preciso agir.
E os fardos completamente desnecessários vão se diluindo em novas sementes.
De amor, compaixão e serenidade

BY MLK 13 de setembro de 2018

Exibições: 30

Responder esta

Editora Casa da Poesia

Chegou o Volume 8 da Antologia

 Volume 7 da Antologia!

                VOLUME 6 

    

PARCEIROS

Nas Redes Sociais

                          CLIQUE AQUI

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Acesso ao CHAT da Casa

              Clique Aqui!

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Casa da Poesia*.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo